Sexta, 08 Dezembro 2023

Rio + Saneamento apresenta balanço de 2023 para Comissão da Câmara

Em atuação no município desde 2022, concessionária tem investido em ações de controle de qualidade da água distribuída

Victor Ferreira Santos / CMRJ
Rio + Saneamento apresenta balanço de 2023 para Comissão da Câmara

A Comissão Especial com a finalidade de fiscalizar os serviços das vencedoras do leilão da Cedae, presidida pelo vereador Prof. Célio Lupparelli (PSD), voltou a se reunir nesta sexta-feira (8) para discutir os balanços de 2023 das concessionárias do município. O encontro contou com a presença de representantes da empresa Rio + Saneamento, que apresentaram as ações e investimentos já realizados, bem como o planejamento previsto para o ano que vem. O empreendimento é responsável pela distribuição de água em 24 bairros da Zona Oeste do município, abrangidos pela Área de Planejamento 5 (AP-5). 

Anteriormente, o colegiado também debateu o desempenho das empresas Zona Oeste Mais Saneamento, Iguá Saneamento e Águas do Rio, que atuam, respectivamente, na Zona Oeste; Barra da Tijuca, Recreio e Jacarepaguá; e zonas Norte, Sul e Central.

Coordenador de operações da Rio + Saneamento, Ubirajara Alves Junior pontuou que a concessionária está em atuação na região desde agosto de 2022, e passou por um período de transição com operações pré-assistidas pela Cedae, para melhor entender o funcionamento dos sistemas. “De lá para cá, priorizamos os nossos investimentos para a realização de melhorias. Queremos que o cliente tenha, sobretudo, água de qualidade, porque não basta que ela apenas chegue nas casas”.

Ao todo, a empresa conta com cinco bases operacionais distribuídas entre a AP-5, sendo as três principais nos bairros de Campo Grande, Realengo e Santa Cruz. Segundo o coordenador de operações, elas servem para descentralizar o atendimento, melhorando a agilidade nos serviços do dia a dia.

Dentre os investimentos realizados pela concessionária, é possível destacar: a aquisição de equipamentos de análises laboratoriais, que garantem o controle de qualidade da água; a criação de um laboratório móvel; a instalação de 22 macromedidores para auxílio na redução de perdas; o assentamento de 12km de rede de água na Zona Oeste; o prosseguimento da substituição de cerca de 14km de rede de água; e a instalação de 12 estações elevatórias, previstas para serem entregues até o fim de deste mês. “Já realizamos algumas melhorias, outras estão em andamento e ainda vamos fazer muito mais” sublinhou. 

Planejamento para 2024

Estão na previsão da concessionária para o ano que vem a inauguração de 41 estações elevatórias de água tratada (EEAT) e a implantação e substituição de aproximadamente 86km de rede de abastecimento. De acordo com o coordenador de operações, essa intervenção no sistema acontece, dentre outros motivos, para melhorar a situação de 89 logradouros mapeados.

“Identificamos pontos que devem ter máxima atenção, pois existe uma questão pontual de falta d’água. Já fizemos algumas melhorias e estamos monitorando e controlando esses locais”, disse.

Parada do Guandu

Em meio aos recentes problemas de falta d’água que atingiram determinados pontos do município após a parada anual da Estação de Tratamento do Guandu, o vereador Prof. Célio Lupparelli pediu detalhes sobre o ocorrido na área atendida pela concessionária. “Esse problema aconteceu de fato por conta da parada? E chegou a atingir a AP-5?”, questionou.

“Essa é uma ação planejada que interfere em todas as regiões. O que pode acontecer é que, por conta de uma parada dessa magnitude, existe um tempo de pressurização dos sistemas, e a água pode demorar a chegar em pontos mais elevados. Nós nos preparamos para ficarmos 24 horas sem água, mas acabou voltando antes do previsto. Nossas adutoras já estão abertas e operando normalmente, mas eventualmente podemos sofrer problemas pontuais que vamos monitorando constantemente”, explicou Junior.  

Uma região, duas concessionárias

Apesar de a distribuição de água ser realizada pela Rio + Saneamento, a emissão e cobrança de boletos é de responsabilidade da empresa Zona Oeste Mais Saneamento, que também atua no tratamento de esgoto da região. Em sua fala, o vereador Rocal (PSD), relator da comissão, denunciou problemas na concessão comercial e informou que irá enviar um ofício solicitando mudança  na outorga.

“Recebemos informações de um cadastramento antecipado de clientes por parte da Zona Oeste Mais, sendo que as obras de saneamento básico nas comunidades sequer foram concluídas. As equipes estão entregando cartas que podem ser percebidas como intimidatórias. O cadastro deveria ser feito pela empresa que faz a distribuição. Minha proposta é que a Rio + Saneamento faça a sua arrecadação da água de forma separada, pois uma cobrança única juntamente ao esgoto não funciona. Irei preparar um ofício à Agência Reguladora de Energia e Saneamento Básico do Estado do Rio (Agenersa)”, afirmou.

Em resposta, os representantes reiteraram que o contrato de concessão havia sido feito nesses moldes, não havendo possibilidade de mudanças.

Também participou do encontro o vereador Alexandre Isquierdo (União), membro da comissão.

 

 

Veja também:

Abr 12, 2024

Violência obstétrica é tema do Câmara Rio Debate

O estado do Rio de Janeiro teve entre 2019 e 2023, uma média de sete casos anuais de…
Abr 12, 2024

Câmara realiza aula inaugural para receber legisladores mirins

Para dar início à 2ª legislatura do projeto Câmara Juvenil, os novos vereadores mirins da…
Abr 11, 2024

Câmara autoriza Prefeitura a contratar empréstimo de R$ 950 milhões

A Câmara do Rio aprovou em definitivo o PDL 310/2024, que autoriza o município a…
Abr 11, 2024

Receitas do Rio totalizaram R$ 41,88 bilhões no terceiro quadrimestre de 2023

A Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização Financeira da Câmara do Rio, presidida…
Abr 11, 2024

Câmara realiza audiência para prestação de contas da Secretaria Municipal de Saúde a respeito do 3o quadrimestre de 2023

Investimentos acima do mínimo constitucional e o atendimento de todos que estavam na…
Última modificação em Sexta, 08 Dezembro 2023 17:37

Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Palácio Pedro Ernesto
Praça Floriano, s/nº - Cinelândia
Cep: 20031-050
Tel.: (21) 3814-2121
E-mail: ascom@camara.rj.gov.br

Mapa do site



© 2021-2022 Câmara Municipal do Rio de Janeiro