Terça, 21 Mai 2024

Parlamentares e amigos se despedem do vereador Professor Célio Lupparelli

Vereador foi lembrado como um grande defensor da educação pública de qualidade e um político sereno com capacidade de diálogo

Eduardo Barreto
Parlamentares e amigos se despedem do vereador Professor Célio Lupparelli

O saguão do Palácio Pedro Ernesto foi tomado de saudade e emoção na tarde desta terça-feira (21), quando familiares, amigos e companheiros de plenário e de magistério se despediram do vereador Professor Célio Lupparelli.  O velório foi aberto ao público e recebeu parlamentares, autoridades, amigos e servidores que atuaram ao lado do parlamentar ao longo dos mais de 44 anos como profissional da educação e os seus quatro mandatos como vereador.

Presidente da Câmara do Rio, o vereador Carlo Caiado (PSD) era companheiro de partido de Lupparelli e lembrou a sua atuação na Casa. “Ele fazia parte da Comissão de Educação, era um professor, um educador que nos liderava aqui nas discussões sobre este assunto no município, e também integrava a Comissão de Orçamento e Finanças. Inclusive, ele foi fundamental no debate sobre a recuperação fiscal do Rio de Janeiro. Ele, para mim, sempre foi uma referência de um parlamentar completo, de entendimento técnico e também de entendimento político”, recordou.

O prefeito Eduardo Paes também veio prestar uma última homenagem ao parlamentar. “O Célio tem uma história de serviço público prestado à cidade do Rio de Janeiro como professor, como diretor de uma das nossas escolas durante tantos anos, aí ele conquista um mandato. Sai de um concurso público e vai para o voto popular. Uma figura doce, sempre com a sua opinião fazendo política, buscando construir consensos e com um olhar especial para as crianças e jovens, aqueles que ele se dedicou por tanto tempo. O Célio continuará como um farol para todos nós que estamos na vida pública e amamos a cidade.”

Capacidade de diálogo foi destacada por colegas

Parlamentar dedicado e comprometido com as causas da Educação, defesa dos animais e do meio ambiente, Lupparelli chegou à Câmara em 2007 e estava em seu quarto mandato como vereador, depois de mais de 40 anos dedicados à educação na cidade do Rio. O conselheiro do Tribunal de Contas do Município, Thiago K. Ribeiro, atuou ao lado de Lupparelli no parlamento carioca e ressaltou uma das principais características dele: a serenidade. 

“Dos que eu conheci aqui quando fui vereador, ele foi uma das pessoas que eu mais pude aprender. O Célio é um cara maravilhoso, que vai deixar muita saudade nos corações de todos nós. Quem foi aluno dele no colégio pôde aprender com o professor, mas nós, que fomos vereadores, colegas de Câmara e homens públicos, de maneira geral, podemos aprender com um ser humano bom, que só tratava os outros com muito respeito, até mesmo quando divergia, era sempre de maneira respeitosa. Então acho que são exemplos que a gente tem que guardar para poder passar para as novas gerações”, destacou Ribeiro.

Dr. Rogério Amorim (PL) também elogiou a boa relação que todos tinham com o vereador, independentemente de qualquer questão partidária. “Sem dúvida nenhuma, é uma perda muito grande, não só para essa Casa, mas para toda a cidade do Rio de Janeiro. Um homem vocacionado à vida pública, de uma integridade ímpar e que deixa um legado para todos nós. Independente de ideologia, de pensamento político, um homem que sempre viveu e quis o bem da cidade do Rio de Janeiro.”

Atualmente deputado federal, Tarcísio Motta (PSOL) também conviveu com o vereador e se emocionou ao lembrar como foi a convivência com Lupparelli ao longo de seis anos. “Estive durante muitos anos junto com ele na Comissão de Educação. Apesar da gente às vezes discordar aqui e acolá, o compromisso dele com a educação pública, com a defesa dos servidores, com a defesa da educação de qualidade sempre foi um compromisso fundamental. Convivi com ele ao longo desse tempo e sei do compromisso que ele teve e do exemplo que ele deixa para muitos outros vereadores aqui, que apesar de nós termos nossas convicções ideológicas, o compromisso tem que ser com a população, com a cidade e com as pautas.”

Teresa Bergher concordou. “Ele é um exemplo a ser seguido. Estamos vivendo um momento de muita tristeza. Perde a cidade do Rio de Janeiro, que tinha em Célio um grande representante, perde a Câmara do Rio, mas acima de tudo perdem os seus amigos. Ele conseguia ser amigo de todos, ele era muito alegre e participativo”, lamentou a vereadora. 

Velório do Vereador Professor Célio Lupparelli - 21/05/2024

Principais leis

Na Câmara, Professor Célio Lupparelli foi autor de leis importantes como o Código de Defesa dos Animais, a criação da reserva do Camboatá, e inúmeras normas voltadas à Educação, sua maior paixão. Alexandre Araújo, seu assessor de Plenário desde 2021 e professor da Escola do Legislativo Carioca, lembrou algumas das principais normas criadas.

“Sou professor de concurso, servidor da casa. Ele me chamou para trabalhar em 2021, para assessorar o plenário dele. O meu primeiro dia de trabalho foi na Prefeitura, na Secretaria de Meio Ambiente, para a gente criar o Refúgio de Vida Silvestre da Floresta do Camboatá. E a gente conseguiu, foi uma grande luta. Também teve o décimo terceiro dos servidores, o Código dos Animais, diversas declarações de patrimônio cultural. Enfim, o legado dele é enorme”, sublinhou Araújo.

Deputado estadual pelo PSD, Luiz Paulo falou sobre como foi o dia em que conheceu Lupparelli. “Eu conheci o Célio Lupparelli quando ele era diretor de uma escola na região de Anchieta. Eu era o secretário de Obras do município. Isso foi na década de 90! E ele se dedicava com afinco ao magistério e às lutas comunitárias. E todo esse seu desejo o levou a se candidatar a um cargo político e ele se tornou vereador, quando continuou a se dedicar às causas da educação e passou a ser um defensor intransigente da população carioca”, declarou. 

Paixão pelo Fluminense

Amigo do Professor Célio Lupparelli há mais de 60 anos, Índio do Brasil enfatizou o quanto o vereador era um tricolor apaixonado. “Éramos amigos de infância, de Jacarepaguá, de futebol e por aí vai. Temos muita história. É um homem que vai deixar muita saudade e sempre vou lembrar do seu jeito alegre, a sua simpatia e o fato de que ele era um tricolor roxo. Eu sou torcedor do Flamengo e ele do Fluminense, mas nada disso fez com que a gente brigasse”, brincou o amigo.

Estiveram presentes no velório os vereadores Tânia Bastos (Rep), Rafael Aloisio Freitas (PSD), Átila Nunes (PSD), Alexandre Isquierdo (União), Dr. João Ricardo (MDB), Monica Benicio (PSOL), Vitor Hugo (MDB), Matheus Gabriel (Mobiliza), Marcio Santos (PV), Edson Santos (PT), Eliseu Kessler (MDB), Dr. Carlos Eduardo (PDT), Luciana Boiteux (PSOL), Monica Cunha (PSOL), Luiz Ramos Filho (PSD), Tainá de Paula (PT), Marcelo Arar (Agir), Paulo Pinheiro (PSOL), Pablo Mello (Rep), Zico (PSD) e Willian Coelho (DC).





 

 

Veja também:

Jun 17, 2024

Pauta semanal: projetos sobre São Januário e novo Autódromo entram em votação

Sem uma pista para competições de automobilismo desde 2012, a cidade do Rio de Janeiro…
Jun 14, 2024

Rio TV Câmara exibe Reportagem Especial sobre os novos parques urbanos da cidade

Capital da Eco 92 e da Rio+20, conferências que são marcos nas discussões sobre a…
Campanha de doação de sangue realizada pela Câmara em parceria com o Hemorio
Jun 14, 2024

Junho Vermelho: conheça as iniciativas da Câmara do Rio para estimular a doação de sangue na cidade

A doação de sangue salva vidas. Como parte de suas ações para estimular a cidadania…
Jun 14, 2024

Eleições 2024: palestra tem inscrições encerradas, e será transmitida pelo Youtube

A fim de tirar dúvidas e orientar assessores, partidos políticos, vereadores, candidatos…
Jun 13, 2024

Rio pode ter programa de atendimento às vítimas de preconceito religioso e racial

A fim de criar mecanismos de atendimento a vítimas de preconceito religioso e racial na…

Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Palácio Pedro Ernesto
Praça Floriano, s/nº - Cinelândia
Cep: 20031-050
Tel.: (21) 3814-2121
E-mail: ascom@camara.rj.gov.br

Mapa do site



© 2021-2024 Câmara Municipal do Rio de Janeiro